CULTURA MATRISTICA

Introdução

Tomando como base as recentes pesquisas referentes a sinais relacionados ao surgimento de uma Cultura Matrística que fazem parte da transição acontecendo da Sociedade do Conhecimento para a Sociedade da Consciência conforme aparece mencionado recentemente na revista Sustainability (Sustainability 2021, 13, 2706). A convergência das atuais crises sanitárias críticas ambientais e socioeconômicas está pressionando a humanidade para um ponto de transição a partir do qual um novo paradigma poderá emergir, onde aceleradas inovações científico-tecnológicas transformadoras das relações sociais poderão possibilitar um salto de consciência com a valorização das condições de vida humana e do cuidar melhor do planeta como um todo, abrindo-se para uma cooperação mais fraterna e uma maior abertura e adesão ao ecossociodesenvolvimento. De fato surgem evidencias através das Novas Lideranças no setor público e privado da urgente necessidade de resgatar o conceito de equilíbrio entre os seres humanos e GAIA (mãe Terra), as redes de conversa e a consciência e compromisso de nosso papel no mundo através do reconhecimento da importância que a dignidade e força da Mulher representam como geradoras e cuidadoras de Vida. Uma Cultura Matrísitica tornando-se em evidencia.



Noticias



Notícias
SIMONE TEBET DISPUTA A PRESIDÊNCIA COMO ALTERNATIVA DO CENTRO DEMOCRÁTICO PARA QUEBRAR A POLARIZAÇÃO
Simone Tebet deseja aliar o compromisso com a responsabilidade fiscal à agenda social. Ao lado da tucana Mara Gabrilli, a senadora emedebista superou a corrida de obstáculos da terceira via e a divisão no próprio partido para se contrapor à polarização representada por Lula e Bolsonaro. Ela tem o desafio de vencer o desconhecimento do eleitorado e se tornar uma opção viável ao Planalto. A. VIRIATO, M. STRECKER, ISTOÉ
ÉPOCA NEGÓCIOS LANÇA E-BOOK COM HISTÓRIAS DE MULHERES INSPIRADORAS
Dez líderes que ocupam posições de destaque em suas empresas trazem lições sobre como é ocupar altos postos e promover novas práticas no mundo dos negócios. Durante o mês de março de 2022, Época NEGÓCIOS contou a história de mulheres inovadoras, que têm transformado o mundo dos negócios no país. Trechos das entrevistas publicadas no site foram reunidos em um e-book compartilhável, para que você possa ler e depois espalhar por aí essas histórias inspiradoras.
https://s3.glbimg.com/v1/AUTH_fee4c05311e3449dbce16c72a7556d72/edg2/amp-stories/epocanegocios/E-book-mulheres.pdf
A MARCA FEMINISTA NA NOVA CARTA MAGNA DO CHILE
As constituintes chilenas vêm aprovando normas sobre direitos sexuais e reprodutivos, que podem virar direitos constitucionais
CERRANDO BRECHAS DE GÉNERO EN EL CONO SUR Um Potencial de Crecimiento Desaprovechado
A pesar de importantes avances en las últimas décadas, los países del Cono Sur (Argentina, Brasil, Chile, Paraguay y Uruguay) aún enfrentan desafíos relacionados con las desigualdades de género. Las mujeres luchan con barreras explícitas e implícitas que permean su esfera de acción privada y pública, limitando el logro de su pleno potencial. Las mujeres de la región continúan rezagadas con respecto a los hombres en términos de participación en el mer - cado laboral, horas de trabajo e ingresos, y dedican tres veces más horas por semana a actividades laborales no remuneradas que sus pares masculinos. V. Frisancho, V. Queijo BID.
CANDIDATAS INDEPENDENTES TENTAM ENERGIZAR DEMOCRACIA AUSTRALIANA
Movimento composto por 25 mulheres bem-sucedidas que pregam reformas pragmáticas pode moldar equilíbrio de poder após eleição no país. Os chamados independentes verde-azulados, que tendem a compartilhar em sua campanha as cores de uma onda do Pacífico, propõem uma forte repreensão ao rígido sistema partidário da Austrália. Recrutados por grupos comunitários enérgicos que se formaram apenas nos últimos anos, eles são a face pública de uma nova abordagem à política que espera trazer a Austrália de volta ao centro, com foco em soluções para mudanças climáticas, integridade e valores como bondade. D. Cave, ESTADÃO.
IS CLIMATE CHANGE A GENDER PROBLEM?
Studies of the aftermath of natural disasters suggest that in some regions, death tolls and damage to health can be higher for women than for men. The reasons for this are complex and highly dependent on the local socio-economic, cultural and climatic context. In some Asian cultures, women are not taught to swim and so are less likely to survive a flood or storm surge. After Typhoon Haiyan destroyed the coastal city of Tacloban in the Philippines in 2013, 40% more women died than men. In societies with deep gender inequalities, women and girls are more likely to go hungry when food is scarce, for instance during periods of drought. Culture also affects the effectiveness of measures to adapt to the impact of climate changes. In Bangladesh, a lack of women-only cyclone shelters and emergency toilet facilities meant women were less likely to evacuate during Cyclone Aila in 2009.

https://www.economist.com/international-womens-day
ONU e UNESCO se unem para incentivar igualdade de educação entre homens e mulheres
O objetivo é aumentar a presença feminina às vagas no mercado de TI. Para tentar igualar as oportunidades entre homens e mulheres, a ONU apontou como uma de suas prioridades, para os próximos anos, o incentivo à educação técnica para a mulher. Esta iniciativa faz parte da Educação 2030, que atende ao compromisso do movimento Educação para Todos (Education for All), cujo objetivo é garantir acesso à educação básica em todo o mundo. Além de exigir igualdade de gênero entre meninos e meninas, mulheres e homens para que todos sejam empoderados por meio da educação e de maneira igualitária.
CRESÇA COM O GOOGLE PARA MULHERES
Construindo um 2022 Extraordinário. O início da retomada econômica no último ano, apresentou melhora nas taxas de participação no mercado de trabalho, o que indica um cenário mais positivo para os brasileiros em 2022. Entretanto, as mulheres ainda representam 17,1% dos desempregados, enquanto os homens 11,7%. Pensando nisso, o Cresça com o Google para Mulheres traz para você um treinamento exclusivo, criado por especialistas do Google e mulheres incríveis do mercado de trabalho para te ajudar a construir um 2022 extraordinário.
FEMINISMO origens conquistas e desafios no século 21
O feminismo chega à segunda década do século 21 sob ataque de movimentos políticos e sociais reacionários, mas também reafirmando sua influência na cultura e na política a partir de avanços significativos. O feminismo é um movimento social e político que reivindica igualdade entre mulheres e homens. Não se trata, dessa forma, de um movimento sexista, que tenta impor a superioridade das mulheres sobre os homens. Em seu livro “Teoria dos quatro movimentos”, Fourier defende que o avanço na conquista de liberdade para as mulheres é um pré-requisito para o progresso de toda a sociedade. J. D. de Lima
A PRIMEIRA FEMINISTA DA HISTORA MARY WOLLSTONECRAFT
Hoje, mais de 200 anos após sua morte, Wollstonecraft é celebrada principalmente como uma das fundadoras do feminismo. Mais de um século antes de Simone de Beauvoir, Wollstonecraft já elaborava os primeiros pensamentos sobre a opressão estrutural das mulheres e suas raízes. Em 1972 publicou sua obra Reivindicação dos Direitos da Mulher. Não só exigia igualdade de gênero mais já lançava as sementes de futuros movimentos feministas. I. D. Rapoport, Aventuras na História, Ed. 226, 2022
FÁTIMA EL FIHRI FUNDADORA DE LA PRIMERA UNIVERSIDAD DEL MUNDO
La Universidad El Qarawiyyin se encuentra en la ciudad marroquí de Fez, y fue fundada en el año 859 D.C., más de dos siglos antes que la Universidad de Bolonia, la más antigua del mundo occidental, y que Oxford, la más antigua del mundo angloparlante. Salamanca, la más antigua de España e Iberoamérica fue fundada 359 años después. El Qarawiyyin es, según la Unesco, la universidad más antigua del mundo. H. Casanueva
ESTAS EMPREENDEDORAS VÃO REVOLUCIONAR O QUE VOCÊ ENTENDE POR LIDERANÇA
Discussões sobre o destaque das empreendedoras femininas no mercado corporativo estão cada vez mais em alta. O Dia Internacional da Mulher se aproxima, e com ele, as discussões sobre o destaque das empreendedoras femininas no mercado corporativo estão cada vez mais em alta. Isso porque este é um ambiente majoritariamente masculino, afinal, de acordo com o Female Founders Report 2021, estudo promovido pela B2Mamy, Distrito e Endeavor, somente 4,7% das empresas brasileiras são lideradas por mulheres. De acordo ainda com o IBGE, quase metade dos lares brasileiros é sustentada por mulheres e, também segundo o Instituto, mais de 8,5 milhões de mulheres perderam seus empregos durante a pandemia. Diante desses dados, tem sido cada vez mais importante destacar a presença e liderança feminina nas empresas, além de falar sobre o assunto e debater a desigualdade de gênero nesse ambiente.
O PLANO DA NATURA PARA A EQUIDADE SALARIAL ENTRE HOMENS E MULHERES
A Natura &Co se comprometeu publicamente a eliminar até 2023, a diferença salarial residual que não se explica por variáveis legítimas e que pode constituir inequidade por gênero.
LAS MUJERES LAS PEOR TRATADAS EN EL EMPLEO LATINOAMERICANO POSCOVID
La pandemia de covid-19 no golpeó a todos por igual y el empleo muestra un claro impacto diferenciado por género. A dos años de comenzar la pandemia, a las mujeres les es más difícil que a los hombres recuperar sus puestos de trabajo, y eso se refleja nítidamente en América Latina. El panorama laboral de las mujeres en América Latina sigue enfrentando obstáculos para llegar a niveles previos a la irrupción de la covid-19. Pero una recuperación sostenible e inclusiva requerirá medidas que cierren las brechas de género que ya afectaban el empleo de la población femenina en la región antes de la pandemia.

https://www.cepal.org/es/comunicados/la-autonomia-mujeres-la-igualdad-genero-la-construccion-sociedad-cuidado-son-condicion
THIS RELIGIOUS PROSECUTION IN FINLAND COULD BE HARBINGER FOR OTHER DEMOCRACIES
A court in Finland heard final arguments this week in the prosecution of a member of Parliament and a Lutheran bishop for expressing opposition to same-sex marriage. Charged under Finland’s “ethnic agitation law” are Päivi Räsänen, a member of Parliament who also is a medical doctor and former interior minister, and Lutheran Bishop Juhana Pohjola. Each faces up to two years in prison if convicted. F. Lucas
FAR LEFT ATTEMPTS TO DEHUMANIZE PREGNANCY
A recent article in Ms. magazine describes pregnancy as more like a disease than a natural part of a woman’s life. The abortion industry says whatever it has to say to convince women that abortion is a necessary. An article in Ms. magazine describes pregnancy as more like a disease than a natural part of a woman’s life. V. Allen, L. Evans.
ALÉM DE GERAR RENDA EMPREENDEDORISMO FEMININO CONTRIBUI PARA SOCIEDADE IGUALITÁRIA
A crise decorrente da pandemia estimulou o empreendedorismo feminino no Brasil. Mas o sufoco financeiro não é o único incentivo para as mulheres. Em meio a um cenário adverso, as mulheres buscam ser donas das próprias carreiras. O número de empreendedoras cresceu 40% em 2020, chegando a 30 milhões. É o equivalente a quase metade do mercado empreendedor (48,7%), segundo informações da Rede Mulher Empreendedora (RME). Mas esse avanço não vem sem desafios. Começa que, no Brasil, o empreendedorismo feminino é mais por necessidade do que por paixão – segundo a RME. Um levantamento do Sebrae, em parceria com o movimento Aladas, traz outro ponto: 78% das empreendedoras investem do próprio bolso ao abrir um negócio. J. Coin
FEMALE FOUNDERS REPORT 2021
Liderança feminina e empreendimentos no ecossistema brasileiro de inovação. Elaborado em parceria com a Endeavor e a B2Mamy, o Female Founders Report tem como objetivo levantar dados e analisar o ecossistema de empreendedorismo feminino no país, com foco nas startups fundadas e co-fundadas por mulheres em diversos estágios (early-stage, scale-up, later-stage e unicórnio). Nossos objetivos são: entender a especificidade da experiência de uma fundadora - quais os desafios enfrentados, como foi sua trajetória, como é ser mulher no ecossistema de inovação; compreender o panorama MISSÃO das startups fundadas por mulheres - seu estágio de desenvolvimento, setores privilegiados, desempenho frente ao quadro geral, entre outras variáveis.
DIA NACIONAL DE LUTA DOS APOSENTADOS E DAS APOSENTADAS: LUTAR E RESISTIR!
Hoje, dia 24 de janeiro, é considerado o Dia Nacional de Luta do(a)s Aposentado(a)s. O ANDES-SN, ao longo dos seus 40 anos de lutas, tem o direito à Previdência e à aposentadoria digna como pontos de destaque em suas ações. Neste momento de intensificação dos ataques ao funcionalismo público e de políticas de destruição de direitos, pelo governo Bolsonaro, reforça-se a necessidade do fortalecimento da luta do(a)s aposentado(a)s.


https://www.youtube.com/watch?v=BVw701sG5Kk
ENVELHECIMENTO NO BRASIL LEGADO TOMIKO BORN
O edital "Envelhecimento no Brasil: Legado Tomiko Born", lançado pelo Portal do Envelhecimento e Núcleo de Estudo e Pesquisa do Envelhecimento (NEPE-PUCSP, certificado pelo CNPq), tem o objetivos de estimular a produção e disseminação de saberes que contribuem para o avanço dos estudos do envelhecimento e longeviver no país; fornecer conhecimentos que permitam ampliar a compreensão sobre o envelhecer; e subsidiar a formulação e implantação de políticas públicas e sociais voltadas às pessoas idosas. Entende-se que o conhecimento é primordial para assegurar uma longevidade sustentável e digna. Vera Brandão e Kátia Saraiva


https://www.portaldoenvelhecimento.com.br

https://www.youtube.com/channel/UCggO-jajjS91c8-zLtveplA
PANDEMIA E INFODEMIA: DIÁLOGO ENTRE CIÊNCIA E SOCIEDADE
A infodemia consiste em um excessivo volume de (des)informação não aferida pela ciência que circula rapidamente a respeito de um problema, fazendo com que sua resolução seja dificultada. Leandro Giatti


https://www.portaldoenvelhecimento.com.br/?s=pandemia
CURSO ONLINE CAPACIDADE FUNCIONAL E ENVELHECIMENTO
Este curso pauta-se pela necessidade cada vez maior de lidarmos – falarmos, elaborarmos, trocarmos informações – com aspectos ligados ao processo de envelhecimento que nos são caros, a nós, que lidamos com a saúde do idoso, quer sejamos profissionais da área da saúde ou leigos (familiares …).

https://edicoes.portaldoenvelhecimento.com.br/ produto/ curso-online-capacidade-funcional-e-envelhecimento/
WILL
WILL Women in Leadership in Latin America – é uma organização internacional sem fins lucrativos, com sede em São Paulo e conselhos consultivos em Nova Iorque, Miami, Washington, Bogotá e Londres. A missão da organização é apoiar e promover o desenvolvimento da carreira das mulheres na América Latina, reconhecendo suas habilidades e competências, além de estimular as empresas sediadas na América Latina a implementarem programas relacionados com as mulheres e negócios, promovendo o intercâmbio das melhores práticas entre as organizações nacionais e internacionais. WILL

https://www.latamwill.org/dna-women/
CAPACITAÇÃO EM LIDERANÇA FEMININA
O mundo está passando por mudanças exponenciais impulsionadas pela inovação e transformação digital. As características da liderança feminina são essenciais para este período, ao trazer um olhar mais inclusivo e participativo na gestão. O programa de Capacitação em Liderança Feminina da Live University foi cunhado com esta visão. Aqui na Live entendemos que mais da metade da população brasileira é feminina e apenas uma minoria atua em posições de liderança. Por conta disso, queremos mudar esse cenário.
A IGUALDADE DE GÊNERO GERA SOCIEDADES MENOS VIOLENTAS MAIS FELIZES
Na Noruega ficou comprovado que a igualdade gera sociedades mais felizes. Se há mais igualdade, há menos depressão e mais felicidade. Outro estudo internacional, que incluía países como a Índia e Brasil, concluiu que os homens que recorrem à violência possuem um problema de fundo: não estão satisfeitos com a sua vida. Em resumo, não são felizes. Jeff Hearn
JULISSA REYNOSO DEFENSORA DE LA IGUALDAD DE GÉNERO Y MUY CERCANA A LOS BIDEN.
La nueva embajadora de EE.UU. en España es la jefa de gabinete de la primera dama Jill Biden. Como diplomática, Reynoso ha conocido muy bien la política iberoamericana y los problemas de corrupción del continente, incluidas Cuba y Venezuela. Según dijo en una entrevista en 2018, «en el departamento de Estado me familiaricé con todo tipo de problemas, desde el terremoto en Haití hasta la crisis política en Honduras y temas de corrupción en toda América Latina. ABC

Las mujeres en Estados Unidos rompen barreras en las elecciones legislativas
HACIA LA SOCIEDAD DEL CUIDADO. Los aportes de la Agenda Regional de Género en el marco del desarrollo sostenible
La desigualdad de género ha sido históricamente un rasgo estructural en América Latina y el Caribe, que está en la base de la insostenibilidad del modelo de desarrollo dominante. A su vez, la pandemia de enfermedad por coronavirus (COVID-19), además de profundizar los nudos estructurales de la desigualdad de género, ha puesto en evidencia la injusta organización social del cuidado y la necesidad de avanzar hacia un cambio del estilo de desarrollo que ponga en el centro los cuidados y la sostenibilidad de la vida.

https://www.cepal.org/sites/default/files/publication/files/47264/S2100564_es.pdf
La sociedad del cuidado como horizonte para una recuperación sostenible con igualdad de género será el tema principal de la XV Conferencia Regional sobre la Mujer que se celebrará en Argentina en 2022 | Comunicado de prensa | Comisión Económica para
UN MILLÓN HACEN HISTÓRIA Y MARCHAN POR LA MUJER Y LA VIDA EN MÉXICO
En diálogo con ACI Prensa, Rodrigo Iván Cortés, presidente del Frente Nacional por la Familia, destacó que este 3 de octubre “México se puso en marcha, México se pone de pie, México no se rinde, México está a favor de la vida, a favor de la mujer, a favor de la familia, a favor de las libertades fundamentales. D. Ramos, ACI Press
ARCO ENTREVISTA A ENGENHEIRA FLORESTAL ANA PAULA ROVEDDER AGRACIADA COM O PRÊMIO O FUTURO DA TERRA.
Doutora em ciências do solo foi contemplada na categoria “Preservação Ambiental”. O Prêmio “O Futuro da Terra”, promovido pelo Jornal do Comércio em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa no Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs), reconhece pesquisas e trabalhos que contribuem para o avanço tecnológico e ações sustentáveis no campo desde 1997. Nesta 25ª edição, a engenheira florestal e docente do Departamento de Ciências Florestais da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Ana Paula Moreira Rovedder, recebeu o prêmio na categoria “Preservação Ambiental”. A cerimônia de premiação será realizada na Expointer, em Esteio, no dia 9 de setembro, às 15 horas, e será transmitida pelo YouTube do Jornal do Comércio. FAPERGS

MEU CAMINHO ATÉ A CADEIRA NUMERO 1
A Obra conta a história da menina negra Rachel Maia, nascida na periferia de São Paulo que brincava com uma boneca feita de sabugo de milho, mas que por meio da garra e dos estudos se tornou uma das maiores executivas do país. Ela ocupou altos cargos em empresas como Tiffany & Co . e liderou a operação brasileira da Pandora e da Lacoste. Hoje, é um dos nomes mais disputados para integrar conselhos de grandes companhias (é conselheira do grupo Soma, dono das marcas FARM e Animale). Além do sucesso nos negócios , Rachel também se tornou reconhecida pelo trabalho social. Fundou o projeto Capacita-me, que atua na qualificação de maiores de 18 anos em situação de vulnerabilidade, e é presidente do Conselho Consultivo da Unicef Brasil. Globo Livros
NO HAY PRUEBAS CIENTÍFICAS QUE RESPALDEN QUE EL HOMBRE PREHISTÓRICO ERA SUPERIOR A LA MUJER.
No hay evidencias de que el hombre tuviera un mayor estatus que la mujer en la prehistoria. La prehistoria como ciencia apareció en la mitad del siglo XIX, una época en la que había muchos prejuicios sobre la mujer e incluso eran consideradas inferiores a los hombres. Los prehistoriadores del siglo XIX estaban muy influidos por la religión. Fue difícil pasar del creacionismo al evolucionismo con la teoría de Charles Darwin en 1859. En ese siglo se desarrolla esta ciencia y sobre todo la antropología, que también participó en subestimar a la mujer. En estos estudios, los investigadores escribieron que las mujeres eran inferiores a los hombres. Marylène Patou-Mathis

MULHERES EM CONSELHOS DE ADMINISTRAÇÃO: A REAÇÃO DO MERCADO DE CAPITAIS.
Estudo do 30% Club e da EY aponta que 41% das 54 empresas que abriram capital na B3 desde o início de 2020 não tinham nenhuma mulher nos colegiados. Após mais de uma década ter se passado desde a entrada em vigor da primeira lei contemplando diversidade de gênero em conselhos de administração de companhias abertas, há uma noção geral permeando o mercado de capitais de que as mulheres contribuem para uma melhor performance do board ao trazerem novas experiências, perspectivas e vozes para deliberações estratégicas. Em 2020, a tendência se alastrou: não são apenas os legisladores que têm tomado iniciativas a fim de incentivar a diversidade, mas também outros players do mercado e os próprios acionistas das grandes empresas. Naiara Berton, Marina Pacheco de Araujo Paciullo

ELA QUER TRAZER MIL MÃES DE VOLTA AO MERCADO DE TRABALHO EM TRÊS ANOS.
Cuidar bem dos filhos é uma atitude humana fundamental — que muitas empresas ainda desestimulam. Cansada das injustiças do mercado diante da maternidade, Daniela Scalco criou um negócio que conecta mães a empresas que valorizam a integração carreira-família. D. Scalco. parentsIN.co
COMUNICAÇÃO PODE SER PORTA DE ENTRADA DE MULHERES EM CARGOS DE LIDERANÇA.
A primeira pesquisa, "Women in Technology, da Michael Page", cobre a América Latina e foi divulgada em julho de 2021. O estudo buscou investigar as razões pelas quais existem poucas mulheres na área de tecnologia nos países latino-americanos. Participaram da análise profissionais C-level (presidentes, VPs, diretores e gerentes gerais) que trabalham na área, e também com serviços financeiros, varejo, engenharia e manufatura. Por outro lado um levantamento realizado pela Aberje (Associação Brasileira de Comunicação Empresarial) em 2019 mostrou que as mulheres ocupam 69% dos cargos de liderança em comunicação corporativa e representam 45% do total de posições de direção ou vice-presidência nas empresas onde trabalham. Um relatório da OIT (Organização Internacional do Trabalho) da ONU realizado em 70 países demonstrou que a presença feminina em cargos de diretoria é um dos fatores que contribuem para o desempenho e lucratividade das corporações. Os dados do estudo mostram que as mulheres são mais empáticas e flexíveis, assim como mais persuasivas e dispostas a assumir riscos. Adriana Reco

MALALA FUND
Girls’ education creates stronger economies, healthier communities and a safer world. A research points to a substantial growth dividend if women had the same economic opportunities as men: A study by McKinsey found that eliminating gender gaps in society could add at least $12 trillion per year to global growth. Other benefits of gender equality include stronger business performance, greater national competitiveness and reduced income inequality. The World Economic Forum identifies gender equality in work as one of the most important goals of our time. The International Monetary Fund cites increased female labour force participation as a global economic game changer. In 2017, the G20 declared that sustainable and inclusive growth is dependent upon women’s equal access to the labour market, property, quality employment and financial services. Earlier this year, Canada’s G7 Presidency identified gender equality as a cross-cutting priority for all areas of the G7’s work and appointed the first Gender Equality Advisory Council. Malala Full Force

Iniciativa de Conocimiento sobre Genero y Diversidad del BID
El GDLab, la Iniciativa de Conocimiento sobre Género y Diversidad del Banco Interamericano de Desarrollo (BID), contribuye a informar el diseño de políticas y reformas en América Latina y el Caribe con la producción y diseminación de nueva evidencia. Para ello, el GDLab promueve la convocatoria continua de propuestas de investigación que permitan avanzar en el conocimiento sobre todas las brechas existentes entre hombres y mujeres, Así, la convocatoria busca financiar estudios de investigación que: Documenten rigurosamente las desigualdades que afectan a estos grupos vulnerables con datos nuevos e innovadores, e exploren la eficacia de programas y soluciones innovadoras que contribuyan a reducir las desigualdades; similarmente aquellas que enfrentan los pueblos indígenas, las personas afrodescendientes, las personas con discapacidad y las personas LGBTQ+. BID
For Women in e-Comerce Entrepreneurship means Freedom
Entrepreneurship can mean more freedom for women according to the first Latin-American advocate of eTrade for All, an initiative developed by UNCTAD to expand and promote the digital economy, especially in low and middle-income countries. According to data from UN Women, currently only 45 per cent of women worldwide have access to the internet, while most mobile phones are in the hands of men. Furthermore, while girls around the world tend to outperform boys in reading and writing, they are still underrepresented among the top performers for science, technology, engineering and mathematics (STEM). Moreover, women represent less than 10 per cent of the people who work on the design and prototyping of tech products, reveals UNESCO. for women to break into the tech sector, they must mobilize their entire community to create a positive and lasting economic impact on society at large. Women always seek to educate the next generation: be it children, nephews, a sister, or a fellow mother... For each woman you support, the multiplier effect always amplifies the impact exponentially. The moment you lend a woman a helping hand, you are helping up to 20 other people, too. TIPTI
THE VISIONARY’S GUIDE TO EMPOWERING WOMEN
The revolutionary shift from achievement to self-actualization that millions of women are making, and why it’s critical to pivot as a change-maker. Includes: Why goal setting, vision boards, and traditional life-coaching don’t work for women at this new stage—and what does. The 8 New Coaching/Workshop niches that are in high demand but that few change-makers are even aware of. The 3 hidden “Power Blocks” preventing your female clients from getting the results they desire, ones that you have likely not been trained to work with. The shift to creating with a Feminine system of power that is critical to success at this new stage of self-actualization. How to unlock the 3 Feminine Power Centers that will give your female clients access to the power they need to manifest their greatest possibilities. How to position yourself as a leader at what is fast becoming a multi-billion dollar industry. Claire Sammit
THE VOICES OF WOMEN IN TECH ARE STILL BEING ERASED
Discussing, as it does, the role of profoundly structural gender discrimination in the collapse of technical dominance by a formerly great power, this book makes very uncomfortable reading – on a number of levels. This is a fascinating account of how the UK civil service gradually but deliberately pushed women out of computing technology jobs over a three-decade period. It's one of the best researched and most compelling examples of the negative impact of gender and class discrimination on a country's economy.THE

https://www.technologyreview.com/2021/08/03/1030460/women-erased-tech-history-computing
LOS DERECHOS DE LAS MUJERES DEBEN SER UNA PRIORIDAD EN LA RECUPERACIÓN INTERNACIONAL
Es esencial que prioricemos la prevención de la violencia contra las mujeres durante la respuesta y recuperación de la COVID-19, y los hombres deben asumir su responsabilidad, reconocer sus errores y modificar sus actitudes y mensajes públicos. Mi infancia estuvo marcada por la Guerra de Corea, cuando mi familia fue expulsada de nuestro pueblo y vi cómo las mujeres tenían que rehacer sus vidas y reconstruir mientras a los hombres se les convocaba para luchar. Por este motivo, como secretario general de las Naciones Unidas, estaba decidido a convertir los derechos de las mujeres y la igualdad de género en mi máxima prioridad. Por eso creé ONU Mujeres. Ban Ki-moon

https://theelders.org/act-equal-and-act-justice
LA IGUALDAD DE GÉNERO LA JUSTICIA CLIMÁTICA Y LA EDUCACIÓN VAN DE LA MANO
El cambio climático es un problema de género y debe examinarse a través de la lente del feminismo. Todo intento por alcanzar la justicia climática sin reconocer las injusticias intersecantes está condenado al fracaso. La joven activista Julieta Martínez, de mi país natal de Chile, representa a la generación que nos reprocha por no actuar sobre la crisis climática y exige con todo derecho las medidas necesarias para combatir las desigualdades. Escribe convincentemente sobre la función de la educación para afrontar tanto el cambio climático como la desigualdad de género. Los líderes deben hacer de la igualdad de género una prioridad — con los hombres como aliados — para encarar la injusticia de género y climática en Chile, América Latina y más allá. Como dijo una vez nuestro fundador, Nelson Mandela: 'La educación es el arma más poderosa que puedes usar para cambiar el mundo”. Ricardo Lagos
SAP nomeia mulheres para liderar suas quatro unidades na América Latina
A SAP estabeleceu a meta de alcançar um equilíbrio em suas posições de liderança até 2030, com metade dos cargos ocupados por mulheres. Está comprovado que equipes com diversidade de gênero, pensamento, etnia, cultura e orientação sexual estão diretamente relacionadas com maior produtividade e eficiência. A SAP alcançou um marco importante na América Latina ao anunciar que suas quatro unidades regionais são lideradas por mulheres. O fato ocorreu com a nomeação de Marcela Perilla como diretora geral da SAP Região Norte da América Latina, sediada na Colômbia. A. Aroulho, SAP Brasil
POLÍTICA EXTERIOR Y DE COOPERACIÓN FEMINISTA
La política exterior y de cooperación feminista refiere a un conjunto de acciones que busca reflexionar y dar respuesta a demandas estructurales que abogan por la igualdad de género (ODS 5 de la Agenda 2030). Alcanzar dicha meta supone transformar patrones y jerarquía de poder en la que predomina la desigualdad entre hombres y mujeres, para lo cual se necesitan políticas públicas e iniciativas que se diseñen e implementen desde una óptica intersectorial, priorizando y abordando la igualdad de género y los derechos humanos de las mujeres y grupos que sufren exclusión social. Casa America

https://www.casamerica.es/es/sociedad/america-es-mujer-0
https://www.youtube.com/watch?v=Yr4ZqFr6M3w
SOFT FEMALE LEADERSHIP(SFL) FRAMEWORK FOR DRIVING THE GENDER EQUALITY CHANGE IN ENGINEERING EDUCATION: learning outcomes of leader and leadership development
This study aims to share the outcomes of soft female leadership (SFL) development for gender equality at the RMEI network, entailing the commitment of top-managers from engineering schools, creation of new leaders to lead the change at their institutions, students acting as change-agents, and an active community of practice. The SFL toolbox comprises self-awareness, humanistic care, intuition, creativity, and trust. The transformation of mindset, skillset, and culture entails using Sustainable Development Goals (SDGs), ‘Systemic View of Life’ arguments, and drawing knowledge from organizational learning frameworks. Anastasia Zabaniotou, Open Research Europe 2021, 1:63
MULHERES NA PANDEMIA A complexa teia de desigualdades e o desafio de sobreviver ao caos
A crise sanitária global impactou de modo profundo e decisivo a vida de todas as pessoas, sem exceção. Mas há um grupo social sobre o qual as dificuldades recaíram e recaem de maneira mais substancial: as mulheres. Quando se levam em conta as diferentes desigualdades – sociais, econômicas, de gênero etc –, o que já é ruim torna-se ainda pior. IHU, 2021.

http://www.ihuonline.unisinos.br/media/pdf/IHUOnlineEdicao548.pdf
Trabalho das mulheres na pandemia é um fluxo contínuo de atividades que gera sofrimento
MICROSOFT FORMA SEGUNDA TURMA DO PROGRAMA BLACK WOMEN IN TECH
Além da formação em módulos técnicos, mentoria de carreira e inglês, estudantes receberam vouchers para exames de certificações da Microsoft. A Microsoft formou, na última semana, a segunda turma do Black Women in Tech, programa de capacitação com foco na formação de mulheres negras para o mercado de tecnologia. O projeto, idealizado e liderado pelos grupos de colaboradores da Microsoft e voluntários dos pilares de Diversidade e Inclusão da empresa – WAM (Women at Microsoft) e o BAM (Blacks at Microsoft) – visa a diminuir a lacuna de profissionais especializados em tecnologia, bem como ampliar a igualdade de gênero e racial no segmento.

https://ipnews.com.br/ambev-vai-contratar-40-mulheres-e-pessoas-negras-para-programa-de-formacao-em-ti/
CONHECIMENTO CIENTÍFICO E COMPROMISSO COM A JUSTIÇA SOCIAL: PROPOSTAS PARA MELHORAR A VIDA DAS MULHERES NA PANDEMIA
A condição de vida das mulheres durante a pandemia de Covid-19 é múltipla e diversa, assim como são as mulheres e suas realidades. Apesar da diversidade, elas estão entre os estratos sociais mais atingidos pela crise pandêmica, seja pelo aumento da carga de trabalho, do desemprego, da pobreza ou da violência doméstica. Os 67 milhões de trabalhadores do setor de emprego doméstico no mundo, 80% deles são mulheres, viveram o auge da crise no final de junho de 2020: 72% deles sofreram redução da jornada de trabalho ou perderam o emprego, segundo a Organização Internacional do Trabalho. B. Manier, OIT
REDE BRASILEIRA DE MULHERES CIENTISTAS
Em defesa da vida das mulheres na pandemia. No momento em que publicamos esta Carta, 360 mil brasileiros/as morreram em razão da pandemia de Covid-19. Como é de conhecimento da comunidade nacional e internacional, parte significativa dessas mortes foi provocada pela decisão do Governo Federal de afrontar a ciência e desprezar a vida da população brasileira, colocando em risco aqueles que tinha por dever proteger. O agravamento das condições sociais, econômicas e psíquicas decorrentes da ausência de políticas públicas adequadas para a contenção da doença tem esgarçado o tecido social e lançado milhares de brasileiros e brasileiras à própria sorte.

https://mulherescientistas.org/wp-content/uploads/2021/05/LISTAGERAL-14DEMAIO.pdf
LA NUEVA LÍDER ESPAÑOLA ISABEL DÍAZ AYUSO
Madrid es mucho Madrid. Decencia, sentido común, interés común con soluciones prácticas y sensatas, nada de egoísmo y egocentrismo pusilanimidad, ser humana y no aprovecharse de las dificultades de las gentes, bienvenida Líder necesaria para darnos fuerza e inspiración para todos, y trabajar en pos de ello. Hacer las cosas de otra manera para comenzar a cambiar y recuperar este gran país que supo ser. Nacida en Madrid en octubre de 1978, colaboró varios años como periodista deportiva y trabajó en Irlanda y Ecuador antes de unirse a las juventudes del PP madrileño lideradas entonces por Pablo Casado, actual presidente de la formación ¡Esta mujer es una brisa fresca en un mundo en llamas!

https://www.lanacion.com.ar/el-mundo/madrid-isabel-diaz-ayuso-figura-conservadora-y-nemesis-de-pedro-sanchez-nid04052021/
BARRIERS IN THE RECRUITMENT AND SELECTION PROCESS PARTICULARLY REGARDING GENDER GAPS
The purpose of this study was to seek ways that may lead to encourage a change of context based on the positive results that management of cultural diversity provides in organizations, it was found that existing literature is still very limited regarding the vision of diversity focusing mostly on the gender diversity, which is essential but does not represent the concept of cultural diversity as a whole, particularly in developing countries like Brazil. Hopefully Goal 5 of Agenda 2030 may eventually help dealing with this challenge, and also the OECD is keeping a closed eye on Gender Wage Gaps.

https://sdgs.un.org/goals/goal5
Earnings and wages - Gender wage gap - OECD Data
ACADEMIC PROMOTION AND LEADERSHIP: ‘MOVING THE NEEDLE’ FOR THE ENHANCEMENT OF GENDER EQUALITY IN TUNISIAN HIGHER EDUCATION INSTITUTIONAL MEMBERS OF THE RMEI NETWORK FOLLOWING THE TARGET FRAMEWORK
Although job opportunities, recruitment criteria, health insurance and social welfare are equally available regardless of sex, academic promotion at higher education institutions (HEIs) has so far been a challenging issue for women more than men. Despite the belief that gender parity has been acquired, it is still a challenge to progress to endorse the culture of gender equality at higher education institutions. M. Chouari, M. Ghis, A. Zabaniotou.
The Annual Women in AI Conference
In the biggest meeting of women Data Science leaders from across the domain, women professionals from the industry and academia will come together for The Rising. The conference will serve as a forum for exchange for building a better idea for women participating in STEM and will also highlight the achievements and career interests of women in data science. The conference will provide a platform to leading women visionaries to dive into the field of data science and share their perspective on how to build a career in this buzzing field and their role in data science. Through a series of talks and informal sessions, this 2-day conference will empower women and help them in the development of leadership skills.
NUM ESTADO DE CRISES EM TEMPOS PANDÊMICOS MULHERES SÃO AS PRINCIPAIS VÍTIMAS
Na pandemia, são elas que assumem o protagonismo do cuidado, que vai desde assegurar a próxima refeição para a família a ações e mobilizações contra a fome. Ainda bem antes da pandemia, já havia sinais de que um estado de crises vinha se instaurando. Com a eclosão das ondas de Covid-19, parece ter havido uma aceleração de todas essas crises que tem posto as mulheres como as principais vítimas do que tem sido descrito como múltiplas crises, colocando em destaque o caráter de gênero e seus efeitos. Flavia Biroli
THE VISIONARY’S ROADMAP TO EMPOWERING WOMEN
Learn the Proven 3-Part Feminine Power System to Unlock Women’s
Self-Confidence, Inner Knowing & Brilliance. There’s a global sea-change happening, and women don’t just want to achieve success…They want to become themselves fully, unleash their gifts, discover their purpose, experience deep intimacy, create thriving relationships, awaken their spiritual potential, and make a difference in the lives of others! Claire Zammit

https://www.latinamerica.undp.org/content/rblac/en/home/presscenter/speeches/2015/03/08/helen-clark-mensaje-por-el-d-a-internacional-de-la-mujer/
MULHERES DO BRASIL
O Grupo Mulheres do Brasil foi criado em 2013 por 40 mulheres de diferentes segmentos com o intuito de engajar a sociedade civil na conquista de melhorias para o país. É presidido pela empresária Luiza Helena Trajano e tem mais de 41 mil participantes no Brasil e no exterior. Queremos ser o maior grupo político suprapartidário do país. Somos políticas, sim, mas a nossa única bandeira é a do Brasil. Nossos valores são: Agir com leveza, Dar aconchego, Ter atitude de ser me, Fazer acontecer, Promover impacto social mensurável, Buscar diversidade. L. Trajano
NO MUNDO PÓS-PANDEMIA, A CONSTRUÇÃO DE OUTRO MODELO DE ECONOMIA DEPENDE DE UMA ESTRATÉGIA SOCIOAMBIENTAL
A financeirização tem permeado os mais diversos setores da economia, provocando distorções entre a economia real (produção) e a economia financeira. A economia real baseia-se em produtividade na indústria, na agropecuária, no comércio e em serviços. Já a economia financeira é a que faz circular o dinheiro nos sistemas informatizados e tecnológicos, alimentando as taxas de juros e a especulação sobre a base produtiva. Amayra El Khalili, Movimento Mulheres pela P@Z!
PSICOLOGIA EVOLUCIONISTA AJUDA A EXPLICAR MAIOR ÊXITO DAS LÍDERES MULHERES NO COMBATE À PANDEMIA
Um trabalho revisional de artigos publicados em periódicos científicos internacionais buscou compreender por que países liderados por mulheres tiveram respostas mais eficazes no combate à pandemia do que os governados por homens. Empatia, aversão ao risco e preocupação com a saúde possivelmente nortearam políticas públicas que resultaram em menores taxas de mortes e contaminação por covid-19.

Pandemic Leadership: Sex Differences and Their Evolutionary–Developmental Origins
DOCUMENTARIOS SOBRE FEMINISMO PARA APRENDER SOBRE GÊNERO E RESPEITO
Um dos grandes documentários feministas disponíveis na Netflix. A longa parte de um álbum de fotografias criado nos anos 70, preenchido de imagens de mulheres da época que lutavam por seus direitos. o espectador mergulha nos desdobramentos da segunda onda do movimento feminista, constituída por mulheres que lutavam por suas carreiras, por liberdade sexual, por autonomia financeira, por direitos reprodutivos e muito mais. As mulheres destacam, ainda, como temas importantes não eram tratados dentro da luta feminista na época, como raça e classe. Durante os relatos, o filme deixa mensagens de esperança e, também, de coragem, ao destacar que muito ainda precisa ser conquistado. É um convite para olhar para o passado e para o futuro, entendendo o que já foi conquistado e o que ainda, como mulheres, é preciso conquistar. J. Demetrakas

Feministas: O Que Elas Estavam Pensando? I Trailer oficial I Netflix
WOMAN AND ACADEMIA
Issues and survival strategies in different cultures.
Evento on line : Abril 21, 10:30
BEYOND GRETA THUNBERG The Women fighting against Climate Change
Women and girls are particularly vulnerable to the impacts of climate change. Fortunately, many of them are leading in the fight to protect the planet and ensure a sustainable future. The International Women's Day remind us that gender equality is not only a fundamental human right, but one of the essential pillars for building a peaceful, prosperous and sustainable world. Nonetheless, even though the world has made unprecedented progress, the United Nations says that no country has yet managed to achieve gender equality.
ISABELLE STENGERS NO TEMPO DAS CATÁSTROFES. Quinze questões e um artifício sobre a obra
Isabelle stengers, nascida em 1949, é formada em Química e professora de filosofia da ciência na Universidade Livre de Bruxelas. Em 1993 foi laureada com o prêmio de filosofia da academia francesa. É autora de livros sobre teoria do caos, em parceria com Ilya prigogine, físico-químico russo-belga e prêmio Nobel, conhecido por seu trabalho com estruturas dissipativas, sistemas complexos e irreversibilidade. Há onze anos a humanidade experimentava, em escala global, aquela que seria uma de suas crises financeiras mais consistentes. Atualmente, nos vemos mergulhados dos pés à cabeça em suas entranhas, como que a viver a crise e não na crise. Ricardo de Jesus Machado.
CIÊNCIAS EXATAS UM DESAFIO PARA AS MULHERES DA AMÉRICA LATINA EM 2021
É vital que a indústria de tecnologia crie oportunidades iguais e inclusivas para as mulheres. A ciência não tem gênero e esses passos são necessários para o bem-estar e desenvolvimento da sociedade. Vamos criar uma conscientização entre os jovens para que eles acreditem em suas capacidades e desenvolvam todo o seu potencial. Y. Suarez
CUMMINS POWERS WOMEN PROGRAM CHALLENGES GENDER INEQUALITY AND BIASThe Cummins Powers Women nonprofit partners offer programs focused on gender equality such as on-the-ground mentoring and teaching of women and girls, to financial empowerment through entrepreneurship, to leadership development and advocacy at the regional level
AVANCES Y RETOS LEGISLATIVOS EN MATERIA DE AUTONOMÍA Y EMPODERAMIENTO ECONÓMICO DE LAS MUJERES EN IBEROAMÉRICA
El panel, que contará con la participación de destacadas personalidades de alto nivel, se llevará a cabo en formato virtual, para presentar los principales hallazgos del análisis pormenorizado de legislación vigente en materia de autonomía y empoderamiento económico de las mujeres comisionado por la Secretaría General Iberoamericana (SEGIB) y la Oficina Regional para las Américas y el Caribe de ONU Mujeres, así como la agenda de reformas propuesta. El panel también incidirá en la necesidad de promover la participación y liderazgo de las mujeres en la respuesta frente a la crisis del COVID19 y la recuperación económica post pandemia. ONU MULHERES, marzo 23 2021.
FALTAM MULHERES NA CIÊNCIA MAS ESTES PROJETOS ESTÃO MUDANDO O CENÁRIO.
Talvez você saiba quem é Katherine Johnson, cientista que realizou inúmeros cálculos essenciais da Nasa, ou conheça a trajetória de Marie Curie, a primeira mulher a receber um Nobel e a única a ganhar esse prêmio em áreas diferentes (em química e física). As duas personalidades, essenciais para os avanços da humanidade, enfrentaram barreiras de gênero antes de alcançar o reconhecimento. No entanto, anos depois, ainda que diante dos avanços da sociedade em relação aos seus direitos, as mulheres ainda são minoria no meio científico. Segundo dados da Unesco, elas correspondem apenas a 28,8% dos pesquisadores do mundo. B. Lourneço
1 IN 3 WOMEN GLOBALLY EXPERIENCE VIOLENCE.
Violence against women remains devastatingly pervasive and starts alarmingly young, shows new data from WHO and partners. Across their lifetime, around 736 million women are subjected to physical or sexual violence by an intimate partner or sexual violence from a non-partner.
MULHERES NA POLÍTICA SÃO SINÔNIMO DE MAIS PROMESSAS CUMPRIDAS.
A luta pela igualdade de gênero certamente acumulou algumas conquistas, mas ainda há um longo caminho a ser percorrido. A Organização das Nações Unidas (ONU), inclusive, estabeleceu como o seu quinto objetivo de desenvolvimento sustentável “alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas”. O campo da política ainda é um exemplo de baixa representatividade feminina se considerarmos a quantidade de homens que ocupam os cargos de liderança. Mas que diferença isso faz para um país? E. Nishida
Campaign promises more likely to be kept by governments run by women, research shows
2021 UNESCO Prize for Girls´ and Women´s Education now accepting nominations.
The UNESCO Prize for Girls’ and Women’s Education honors outstanding and innovative contributions made by individuals, institutions and organizations to advance girls’ and women’s education. The Prize awards USD 50,000 annually to two laureates making outstanding efforts in favor of girls’ and women’s education.
O RETORNO DA CULTURA MATRÍSTICA
Se, de um lado, vivemos cinco mil anos de patriarcado, é certo que vivemos setenta mil anos de cultura matrística e agora está de retorno. Cultura essa que ressurge das entranhas da Terra, e reaviva nosso emocionar de harmonia, cooperação e respeito à vida, alterando as redes de conversações e as coordenações de ações e emoções imbricadas mutuamente na formação de uma nova consciência, de uma nova cultura (re)emergente, e em relação à qual nossas crianças (a próxima geração de adultos) estão vivenciando e aprendendo no seu cotidiano: a de que somos parte, de que somos natureza e devemos respeitá-la. Que somos amor. F. Menna, Carta Capital
THE EFFECTS OF WOMEN'S DESCRIPTIVE REPRESENTATION ON GOVERNMENT BEHAVIOR.
Does the representation of women in cabinet and party leadership positions affect whether governments are more or less likely to fulfill the policy promises they make during election campaigns? This research note studies the effects of women's descriptive representation in cabinet and party leadership on policymaking by analyzing the pledge fulfillment of parties in 10 European countries, the United States, and Canada. The empirical analysis suggests that governing parties are more likely to fulfill their election promises when levels of women's representation are higher. The results have implications for our understanding of the descriptive and substantive representation of women, as well as for party competition and policymaking more broadly. J. Homola
REDE ECONOMIA SOLIDÁRIA E FEMINISTA
Esta Rede pretende valorizar e fortalecer a presença das mulheres na Economia Solidária, contribuindo com a construção de sua autonomia econômica por elas mesmas.

Boletín de la Economía Solidaria n. 182 - Marzo 2021
Calouros do Direito da USP passam a receber cartilhas sobre equidade de gênero
Diversidad e inclusión aceleran la llegada de las mujeres a Dirección General alem de promover o empreendedorismo femenino
Las organizaciones exploran estrategias de diversidad e inclusión de género para acelerar la llegada de más mujeres a Dirección General y posiciones de liderazgo
Professora do Cedu conta sua história de superação e luta pelos sonhos — Universidade Federal de Alagoas - ufal.br
Wayra oferece mentoria para mulheres empreendedoras, Visa Everywhere Initiative, Desafio de Economia Circular e Muito Mais - Forbes Brasil
Diversidad e inclusión aceleran la llegada de las mujeres a Dirección General • Red Forbes • Forbes México